quinta-feira, 6 de outubro de 2011

OBRA DE AMOR


 
Na condição de médium, não hesites em realizar uma obra 
de amor em torno de teus passos.
Fala ao cérebro ávido de conhecimento, mas, tanto quanto
possível, dirige-te ao coração que sofre e anseia por
consolo e paz.
Por sobre a Terra, em seu atual estágio evolutivo, o homem
necessita mais de compreensão que de informação.
Estende a mão aos caídos e restaura a esperança nos que
não mais acreditam no amanhã.
Acende nem que seja diminuta luz nos caminhos em sombra!
Não te esqueças de que Jesus, o Médium de Deus, passou
entre os homens enxugando lágrimas e fazendo cicatrizar
feridas.
 
(Obra: A Mediunidade Nossa de Cada Dia 
          Carlos A.Baccelli/Odilon Fernandes)
 
 
 
******
 
A mediunidade é conferida sem distinção, a fim de que os Espíritos possam trazer a luz a todas as camadas, a todas as classes da sociedade, ao pobre como ao rico; aos retos, para os fortificar no bem, aos viciosos para os corrigir. Não são estes últimos os doentes que necessitam de médico? 
 
(O Evangelho Segundo O Espiritismo - Capítulo XXIV)
 
 
******
 
AVE MARIA
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria, Mãe de Jesus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.
 
 
******
 
PAI NOSSO
Pai nosso que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
 
JESUS

Nenhum comentário:

Postar um comentário