sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Aconteceu o 22º Feirão Beneficente Pró-Mansão do Caminho




Um dos momentos de Divaldo durante sua visita de agradecimento as 116 barracas do Feirão
O Evento nasceu sob os auspícios da solidariedade fraterna. Quando o Grupo Espírita Caminho da Esperança, fundado pelo casal Ana e Geraldo Guimarães, juntamente com uma equipe de abnegados companheiros, iria completar 10 anos de fundação, o casal convidou o Prof. Divaldo Pereira Franco para ser o orador da solenidade festiva. Era um domingo, dia 29 de dezembro. Conversando com o orador, D. Ana aventou a possibilidade do mesmo passar o dia na Instituição, onde seria realizada uma pequena feira de objetos variados que seriam vendidos em benefício da Mansão do Caminho. Possivelmente brincando, Divaldo disse: “Ana, quem faz uma feirinha pode fazer um feirão” – e sorriu diante do desafio lançado.


Geraldo Guimarães e Ana Jaicy
Foto de José Aparecido tirada no ano de 2009

A sugestão foi pensada pelo casal Guimarães e conversada com a equipe do “Caminho”, que aceitou o desafio à unanimidade, e logo se formaram pequenos grupos para a execução da tarefa que não parecia nada fácil. Ana e Geraldo Guimarães ficaram encarregados de convidar companheiros para participarem do evento, trazendo e expondo mercadorias que seriam vendidas. Assim, nasceu o Feirão Beneficente Pró-Mansão do Caminho.




Maquete da Mansão do Caminho

Ana e Geraldo Guimarães, idealizadores e responsáveis pelo Feirão, conseguiram a adesão de dirigentes de instituições espíritas do interior de São Paulo, de Pernambuco, do Paraná e dos Estados Unidos, formando, assim, com esses primeiros colaboradores, a base de um dos grandes movimentos de união da família espírita em torno de um ideal solidário. Ainda temos companheiros da primeira hora, outros, por motivos justos e pessoais, tiveram que nos deixar, porém novos adeptos continuam chegando, alguns não-espíritas, mas admiradores de Divaldo Franco

Atualmente o Feirão conta com dezenas de representantes de várias instituições do Estado do Rio de Janeiro, de outros Estados e Países, que expõem mercadorias diversas como comidas, doces, artesanato, brechó, etc em barracas em forma de feira, e cuja renda auferida é repassada integralmente à Mansão do Caminho. É uma grande reunião sui generis, pois, que corações amigos, em clima de fraternidade, prestam serviço voluntário em nome da solidariedade.


Ana Jaicy com os trabalhadores no momento da prece inicial abrindo o evento
Este ano, o Grupo Espírita Caminho da Esperança promoveu o XXII Feirão Beneficente, que contou com a participação de 62 instituições, organizadas em 116 barracas. O evento aconteceu das 9 as 17 hs nas dependências do Colégio Militar do Rio de Janeiro e teve como ponto culminante o mini seminário “Transição Planetária”, proferido no auditório do Colégio Militar, e que teve lotação máxima. A sensação intima de bem estar e felicidade ainda perdura em nossos corações, e uma saudade boa dos confrades que estiveram conosco unidos em um mesmo ideal, estreitando os laços de amizade e solidariedade. Após o feirão Divaldo Franco participou de um jantar de confraternização no Grupo Espírita Caminho da Esperança.

A Rede Amigo Espírita esteve presente registrando, gravando e transmitindo ao vivo, durante uma semana as palestras de Divaldo Franco e disponibilizará em breve todos os vídeos inclusive o da visita de Divaldo as barracas do feirão.

Acesse o Álbum deste evento com mais de 450 fotos 




Mini Seminário "Transição Planetária"


Momento final Divaldo responde perguntas e agradece a todos

Assista o vídeo da entrevista de Divaldo concedida a Rede Globo Rio

clique aqui para ver mais 


Nenhum comentário:

Postar um comentário