sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Amor e Atração



Dentro da noite fria, o discípulo inquiriu:

-Instrutor, como entender a atração do amor? Por que se destroem tantas criaturas, em nome do afeto?

O sábio pensou, pensou...

Depois, inclinando a chama da candeia que clareava o recinto, cercada por grande número de mariposas, dentre as quais muitas delas caíam mortas, esclareceu:

- Muitos se anulam, em nome do amor, por lhe ignorarem os princípios divinos. Observa as mariposas e a chama. Elas são atraídas pela luz e pelo calor, mas porque não se contentam em se aquecerem para seguir no caminho claro que a luz lhes descortina, tentam absorver toda a chama que, por fim, as consome dentro da própria grandeza.

XAVIER, Francisco Cândido. Recados do Além. Pelo Espírito Emmanuel. IDEAL. Capítulo 10. 

* * * Estude Kardec * * *

Nenhum comentário:

Postar um comentário