terça-feira, 18 de setembro de 2012

Por que o Medo?





Por que medo da vida, se ela é milagre de gratuidade?
Medo da sombra, se ela é o caminho da luz?
Medo do outro, se ele é a imagem de Deus?
Medo do espelho, se ele reflete a verdade?
Medo do amanhã, se ele é promessa de nascimento?
Medo do amor, se ele é o sol da vida?
Medo da lágrima, se ela é fonte de pureza?
Medo da saudade, se ela é esperança do infinito?
Medo da perda se existe a eternidade?
Medo do abismo, se a ponte é segura?
Medo da queda, se ela é semente de grandeza?
Medo da sede se canta uma fonte?
Medo da viagem, se ela conduz para casa?
PORQUE MEDO DE DEUS,
SE ELE É A PLENITUDE DO AMOR?
Clemente Kesselmeier

"A maior caridade que podemos fazer pela Doutrina Espírita é a sua divulgação." Chico Xavier - Emmanuel


de

Nenhum comentário:

Postar um comentário